olá,

vou te contar um pouco da minha trajetória e apresentar as mulheres que me ajudam nos bastidores.

vivências conduzidas
por cris Marques

Acredito que todas as mulheres são medicina e com as vivenciais me torno um instrumento para estar ao seu lado, contribuindo para relembrar como tecer seu “próprio xale”. Caminhamos juntas para que possamos tomar consciência da capacidade de manifestar o nosso ser curandeira, intuitiva, guerreira, feiticeira…”

Desde os 12 anos, Cris carrega na bagagem inúmeras vivências e iniciações dentro de várias tradições matrifocais. Em sua linhagem ancestral materna, é neta de cearense com a avó parteira e avô benzedor. Já por parte de pai, sua avó era “curadora de umbigo” das crianças recém-nascidas no interior de Minas Gerais.
 
Cris é formada em Cromoterapia, Aromaterapia, Reiki, Tarô e é iniciada no Caminho Vermelho do Xamanismo e em algumas tradições celtas. Há 11 anos, integra o círculo de mulheres da Teia de Thea, idealizado por Mirella Faur. 
 
Nos últimos anos, dedica-se a práticas e rituais como facilitadora de círculos de mulheres, em conexão com ritos e saberes tradicionais. Aprendiz da Filosofia Africana, busca, através do Kemetismo, elementos que possam potencializar os ritos que conduz, honrando também as conexões ancestrais vindouras da Mãe África.   
 
Cris é viajante, criadora de conteúdo do blog Raízes do Mundo, com foco em destinos no Brasil. Apaixonada pelas manifestações culturais e simbolismos étnicos, mescla o seu aprendizado de ritos sagrados com a pluralidade da tradicionalidade da cultura popular. 
 
O Enraízes é uma mistura disso tudo e mais um pouco. E, nessa grande colcha de retalhos, vai tecendo os fios sob a guiança e saberes de seus ancestrais, experimentando, se reinventando e criando sua própria medicina.

estão comigo:

Carol

guardiã das respostas

Carioca, gestora ambiental, estudante de Jornalismo e atleta amadora de alguns esportes nas horas vagas. Amante da Comunicação, acumula vivências profissionais com atendimento ao público desde bem jovem e, atualmente, faz parte do Grupo In Press. Teve seu primeiro contato com o Sagrado Feminino durante a viagem vivencial na Chapada dos Veadeiros, em 2019. A conexão foi tão intensa que Carol resolveu dar uma super ajuda no insta da Vivencial, sobretudo com as mensagens e respostas às mulheres.  

Nara

Fazedora das artes

Formada em Programação visual pela UnB. É sócia-fundadora do Estúdio Gunga (2008), onde atua como designer e ilustradora, apoiando iniciativas culturais e o desenvolvimento de software livre. Também é gestora do Coworking Gunga, em Taguatinga (DF), escritório compartilhado por empreendedores criativos. É apaixonada por música, cinema, cultura popular e capoeira, artes que alimentam sua vida e trabalho. O logotipo do Enraízes foi feito por ela e todos os cards que vão para as redes sociais.

Keyane

cuidadora das palavras

Cerratense de Taguatinga, com ascendências nordestinas. É poeta e escritora, jornalista cultural, professora de Hatha Yoga e aprendiz de sabenças que curam. Em 2011, foi iniciada na Capoeira Angola e outras manifestações de tradição oral que seguem transformando sua visão de mundo. Por meio da escrita, conecta os caminhos percorridos, publicando em livros, cordéis, zines e no blog Aflora. Key revisa tudo o que é escrito aqui e sempre sugere algo sensível para enraizar as palavras.